Dica Cultural

Olá pessoal,

a dica de hoje vai deixar em estado de êxtase qualquer estudante de inglês, especialmente aqueles que estudam inglês através de músicas. Imagina só um programa de TV com o objetivo de ensinar inglês? Utopia? Acredite, foi isso que a TV Cultura fez durante as décadas de 60 e 80 com o programa Inglês com Música. Foram 20 anos de sucesso no ar.
A emissora retomou o projeto, agora apresentado por Amanda Acosta. O público que assistiu a atração na primeira edição poderá rever a professora Marisa Leite de Barros (apresentadora e criadora da versão anterior) ela traz a cada edição uma música para ser analisada e estudada pelos participantes.

Kisses,

Tetê

Música – I’ll Be There For You

Olá 7º ano,

estou enviando na integra a música que trabalhamos em sala.

 Beijos,

 Tetê

I’ll Be There For You

The Rembrandts

So no one told your life was gonna be this way
Your job’s a joke
You’re broke
Your love life’s D.O.A.¹
It’s like you’re always stuck in second gear
When it hasn’t been your day
Your week, your month
Or even your year, but…

(Chorus)
I’ll be there for you
(When the rain starts to pour)
I’ll be there for you
(Like I’ve been there before)
I’ll be there for you
(‘Cause you’re there for me too)

You’re still in bed at ten
And work began at eight
You’ve burned your breakfast so far
Things are going great
Your mother warned you there’d be days like these
But what she didn’t tell you when
The world has brought your down to your knees at…

(Chorus)
I’ll be there for you
(When the rain starts to fall)
I’ll be there for you
(Like I’ve been there before)
I’ll be there for you
(‘Cause you’re there for me too)

No one could ever know me
No one could ever see me
Seems you’re the only one who knows
What’s like to be me
Someone to face the day with
Make it through all the rest with
Someone I’ll always laugh with
Even at my worst I’m best with you
Yeah!

It’s like you’re always stuck in second gear
When it hasn’t been your day
Your week, your month
Or even your year…

(Chorus)
I’ll be there for you
(When the rain starts to fall)
I’ll be there for you
(Like I’ve been there before)
I’ll be there for you
(‘Cause you’re there for me too)

I’ll be there for you
I’ll be there for you

I’ll be there for you

(‘Cause you’re there for me too)

Quadrinho

 

Olá pessoal,
essa é para vocês se divertirem.
Aguardo comentários.
Beijos,
Tetê 

BEM VINDOS!!

Início das Aulas

Início do ano letivo é sempre a mesma coisa: material comprado ou por comprar, livros, cadernos, lápis, canetas, estojos,… e muita expectativa. Quem será meu professor? Será que aquele garoto ainda vai ficar na escola? Será que vai ter mais gatinha nova neste ano? Bom… Isso é o normal de se pensar na adolescência.

Mas vamos mudar o foco? Como será que você vai agir este ano?

Como antes? Se você levou a sério o ano passado, estudou, fez suas tarefas e brincou no momento certo, muito bem, continue assim. Mas se não fez nada disso, pense que o ano começa e que você pode e vai mudar para melhor esse seu jeito artista de ser! ( Nada contra os artistas, mas tenho alguns alunos atores que sempre vem com uma atuação acompanhada de uma desculpa… Bom, mas não é isso que quero falar).

Estude. Não é para fazer isso no dia anterior da prova (ou mesmo no dia da avaliação). Vá estudando a matéria dada, mesmo aquela que é muito fácil, dê uma olhada. Não deixe a decisão do campeonato para os 46 minutos do  segundo tempo.

Faça as suas tarefas de casa, isso faz parte de seus estudos. Os professores não passam dever de casa para encher a paciência de vocês, é para a revisão ou fixação de um assunto. Então… manda ver!

Faça as suas tarefas em aula. Isso é óbvio? Não! Tem gente que tenta enganar e acha que é esperto só copiando a resposta da correção. Assim , não se aprende e não se tem dúvidas para tirar em sala. Se cópia fosse maneira de aprender, máquina xerox seria um gênio.

Tire suas dúvidas em sala. Levante a mão pergunte e peça mais explicação. É para isso que o professor está ali, não é para tomar conta de você. Não leve suas dúvidas para casa, leve as soluções.

Brinque, ria e fale bobagens. Mas na hora certa. Não naquela hora em que o professor está explicando o tópico novo, ou tirando dúvidas , ou fazendo correção… A brincadeira é legal, no momento certo. Afinal, a gente tem que rir um pouco também.

E  seja feliz neste ano letivo que recomeça. Estarei aqui para dar uma mão, mas nunca pra fazer a tarefa por você. 

UM BEIJO ESPECIAL

TETÊ

Aprendendo Inglês com os quadrinhos

quadrinhos1Olá pessoal, hoje vamos aprender um pouco mais de Inglês nos divertindo.

Aguardo sua resposta para essa pergunta.

Beijos, Tetê

Exercício

Olá pessoal,

hoje vamos aprender um pouco mais de Inglês nos divertindo.

Aguardo sua resposta para essa pergunta.

Beijos,

Tetê

tete ing

Leiam

Oi pessoal!

 A língua inglesa sofreu influências de diversos povos, como os celtas, os anglo-saxões, os romanos, etc. Por isso, muitas palavras parecem com outras. Quando se muda uma letra, às vezes, todo o contexto da palavra também é modificado. Vejamos alguns erros mais freqüentes:

 * To / Too / Two

 Embora a pronúncia seja parecida, as palavras são empregadas diferentemente. A preposição “To” é usada para indicar uma direção (Ex: I need to go to the shopping), ou para ser colocada antes do verbo no infinitivo (Ex: I need to visit the dentist). 

“Too” é usado como adjetivo, no sentido de algo mais do que necessário (Ex: The film was too long) ou significando a palavra “também” (Ex: I thought it was too long, too).

Two é o número “2”. (Ex: Send this message in two days.)

 * “How do you do?” e “How are you?”

 “How do you do?” não é uma pergunta. É uma maneira muito formal e britânica de dizer “Oi”. O correto é responder “Pleased to meet you.” ou “How do you do.”.

“How are you?” já é uma questão. Você está perguntando como uma pessoa está como ela vai. Uma resposta educada seria “I’m fine thanks. And you?”.

 * “Look at” e “Watch”

 O verbo “to look” é usado, quase sempre, junto da preposição “at”. Quando queremos que alguém veja uma coisa estática, como um livro, usamos “look at” (Ex: Look at this book, it’s very good).

Quando nos referimos a algo em movimento, como uma televisão, usamos “watch” (Ex: I watch TV every night).

 Gostaram?

Kisses,

Tetê

Provérbios e dizeres populares

Olá Pessoal!

Hoje teremos treze frases com provérbios e dizeres populares muito comuns tanto em português quanto em inglês. Confiram:

1. Easy come, easy go: O que vem fácil, vai fácil.

2. If you can’t beat them, join them: Se não pode com eles, junte-se a eles.

3. Life begins at forty: A vida começa aos quarenta.

4. Two heads are better than one: Duas cabeças pensam melhor do que uma. 5. You live and learn: Vivendo e aprendendo.

6. Money isn´t everything: O dinheiro não é tudo.

7. Rob Peter to pay Paul: Descobrir um santo para cobrir outro.

 8. Scratch my back and I´ll scratch yours: Uma mão lava a outra.

9. The more you get, the more you want: Quanto mais se tem, mais se quer. 10. United we stand, divided we fall: A união faz a força.

 11. You can’t please everyone: Não se pode agradar a todos.

12. An empty bag won´t stand: Saco vazio não para em pé.

13. Don´t put the cart before the horse: Não coloque a carroça na frente dos bois. Gostaram das frases? Kisses, Tetê

Provérbios e dizeres populares

Olá Pessoal!

 Hoje teremos treze frases com provérbios e dizeres populares muito comuns tanto em português quanto em inglês. Confiram:

1. Easy come, easy go: O que vem fácil, vai fácil.

2. If you can’t beat them, join them: Se não pode com eles, junte-se a eles.

3. Life begins at forty: A vida começa aos quarenta.

4. Two heads are better than one: Duas cabeças pensam melhor do que uma.

5. You live and learn: Vivendo e aprendendo.

6. Money isn´t everything: O dinheiro não é tudo.

7. Rob Peter to pay Paul: Descobrir um santo para cobrir outro.

8. Scratch my back and I´ll scratch yours: Uma mão lava a outra.

9. The more you get, the more you want: Quanto mais se tem, mais se quer.

10. United we stand, divided we fall: A união faz a força.

11. You can’t please everyone: Não se pode agradar a todos.

12. An empty bag won´t stand: Saco vazio não para em pé.

13. Don´t put the cart before the horse: Não coloque a carroça na frente dos bois.

Gostaram das frases?

Kisses,

Tetê

Texto

Querido Aluno

 Li este texto na internet e achei bastante interessante, pois levanta um dos maiores questionamentos feitos em casa e a valorização da Língua Inglesa nas escolas.

Deixe seu comentário.

Bjks.

Tetê

Porque minha mãe não me botou no Inglês?

Navegando sem destino pela net encontrei no blog Técnicas Avançadas, um depoimento bem interessante de uma menina a respeito do gostar e do não gostar de estudar inglês. Vale a pena ler e refletir a respeito!

Eu nunca quis fazer inglês. Talvez eu fosse ligeiramente subversiva quando criança, minha irmã diria sem rodeios “revolucionária”, mas eu nunca quis falar inglês.

A primeira vez que me arrependi dessa infantil decisão foi no lançamento mundial do quinto Harry Potter, em inglês, claro. Culpei, obviamente, a minha mãe, oras, mas por que diabos ela NUNCA tinha me botado pra estudar inglês? Eu tive que fazer natação a contragosto, ela podia ter me botado no inglês também, poxa!

E Harry Potter, o 6 e o 7, sempre nos meses de julho desses últimos anos, foi o culpado por eu sempre me irritar com o fato de ser uma analfabeta na língua mundial. Pensei que, com o lançamento do último esse martírio de culpa e de ler traduções livres na internet tivesse acabado. Até que eu achei o site da UofT, University of Toronto.

Hoje, o dono da companhia que vai levar meu cunhado (minha irmã, meus dois sobrinhos e, daqui uns 4 anos, eu) pro Canadá, francês de nascimento e morador de Toronto há 50 anos, poliglota, olhou pra mim e perguntou: “Onde você estudou inglês?”.

Meu primeiro pensamento, rasgando, foi o de que as poucas palavras que eu tinha trocado com ele saíram completamente erradas, todas as conjugações que eu usei foram equivocadas e que eu não tinha a menor chance de um dia conseguir entrar no Canadá, o que seria do mestrado que eu queria fazer lá?

Eu respondi, morrendo de medo, “só na escola…”.

Ah! Ele disse que era ótimo!

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.